"Review-lity"! "Mortal Kombat" analisado a sangue frio!

Por: sergio sampa
Mortal Kombat | 16/05/2011 15:52:34 3 / 0

A hora mortal chegou! Jogamos o Kombate mais Mortal da terra até cansar e finalizamos o review, sem nenhuma piedade!

Veja o que achamos do jogo que trouxe Scorpion e Sub-Zero de volta ao topo! Agora, todo o mundo comigo: "Sub-Zero, Sub Zero, Sub-Zero, eu escolhia o Sub-Zero..."

Para muitos, a série "Mortal Kombat" morreu no segundo game. Para outros, no terceiro. Mas a verdade é que tínhamos uma jogabilidade aceitável até o terceiro jogo da série, "Mortal Kombat 3", que originou o "Ultimate" e o "Trilogy".

Após essa fase, a qualidade dos games foi decaindo. Tivemos o "Mortal Kombat Mythologies: Sub-Zero", que dividiu opiniões com sua jogabilidade de jogo de luta, num game de plataforma; o péssimo jogo de aventura em 3D "Mortal Kombat Special Forces" e os capítulos 4, 5, 6 e 7 da série principal. Recentemente, foi lançado o "Mortal Kombat vs. DC Universe" que é classificado como oitavo game da série principal (embora eu não concorde com isso).

Não dá para saber o motivo exato de os jogos, a partir de "Mortal Kombat 4", terem ficado tão aquém do esperado. Mas a série, que um dia foi sinônimo de sanguinolência e precursora no quesito "games violentos que a imprensa adora falar mal", acabou caindo no esquecimento por alguns anos, devido aos capítulos medíocres.

Em 2010, a produtora Midway abriu falência e, com ela, muitas de suas franquias deixaram de ser produzidas. Mesmo o sucesso mediano de "MK vs DC" não foi suficiente para tirá-la do buraco e, assim, acabou sendo comprada pela Warner Bros. O time da Midway então mudou seu nome para NetherRealm Studios e passou a criar o mais novo capítulo de "Mortal Kombat", conhecido simplesmente por "Mortal Kombat".

  • X-Ray! Joelhada Maaaaster! Ai meu queixo!

Sem número, ou subtítulo, "Mortal Kombat" foi criado com a ideia inicial de "rebootar" a série, ou seja, recomeçar tudo do zero, mas, sem abandonar os acontecimentos anteriores. O game continua a história do sétimo game, "Mortal Kombat Armaggeddon", mas volta no tempo e dá início a uma linha alternativa de tempo.

Em "MK Armaggeddon", todos os guerreiros, tanto da Terra como de Outworld, estavam mortos, restando somente Rayden e Shao Kahn. Prestes a ser derrotado, Rayden enviou uma mensagem a ele mesmo no passado, informando que Shao Kahn havia ganho um poder imenso e que todos foram mortos, assim, o Rayden do passado teria a chance de evitar o futuro catastrófico e, como diria o LucasLLL, caótico...

  • Noob Saibot! Vai me dizer que você também não sabia que ele é o...

O game tem vários modos, indo de 1 a 4 jogadores. As lutas podem ser no famoso 1 contra 1 ou de dupla contra dupla. O modo história é o mais bacana, no qual, obviamente, joga a história do game, que mostra os acontecimentos dos três primeiros torneios do "Mortal Kombat", com as alterações que Rayden faz para impedir a morte de todos no futuro. 

Temos o modo pirâmide, em que existem trezentos desafios a serem cumpridos, que podem render uma série de itens destraváveis. Aliás, o que não falta no game são extras para serem desbloqueados, desde personagens, como o Cyber Sub-Zero, até mesmo roupas, artwork e cenários. Tudo isso faz com que você queira jogar muito o game para ter tudo habilitado.

O novo game, superando as expectativas e, após tantos desapontamentos, realmente conseguiu voltar a sua era de ouro. A jogabilidade ficou muito boa e fluida, a violência durante a luta é realmente violenta (e não engraçada como nos jogos mais recentes), os gráficos ficaram bons e em nenhum quesito o game lembra os últimos títulos da série.

  • Cada personagem tem um crânio modelado em 3D próprio.

Não que isso fosse a pior coisa da jogabilidade dos jogos passados, mas o movimento em 3D nas arenas de luta foi removido, assim, o combate ficou em 2D mesmo e os cenários, por serem feitos somente "de um lado", puderam ter muito mais detalhes do que eles teriam se fossem "rotativos" em 3D.

Adicionaram uma barra para golpes especiais que serve para ativar os X-Rays, ou "golpes que tiram muita vida", que seriam os "Super Combos" do "Street Fighter" no "Mortal Kombat". Quando se acerta um X-Ray, seu personagem executa uma animação que praticamente destrói o inimigo e, a cada golpe, os ossos do inimigo aparecem quebrando na tela. Alguns deles são tão cruéis que mais parecem Fatalities, como é o caso do X-Ray da Kitana. Para acionar um X-Ray, são necessários 3 níveis da barra de especial.

Copiando mais um pouco de "Street Fighter 4", os golpes especiais comuns podem gastar um nível de especial para sair em modo melhorado, o que pode ajudar em combos, ou na hora do aperto, quando não se tem níveis suficientes para executar um X-Ray.

No modo de duplas, além da troca de personagens, existem meios de se trocar atacando o inimigo. Assim, você pode criar vários combos com sua dupla favorita, o que pode ser decisivo quando estiver enfrentando um amigo no modo versus.

No departamento sonoro o game também não desaponta. As vozes são convincentes, gritos clássicos como "Come Here" estão de volta e somente a voz de Liu Kang mudou. Embora em seu trailer ele tivesse a voz antiga, ele não fala mais aquela icônica frase esquisita no "Bicycle Kick".

As músicas são remixes de temas famosos da série, e existe uma forma de habilitar as originais também, para quem for mais nostálgico. A menos que você aumente o som delas nas opções, você nem irá reparar que elas estão tocando. Esse não é um ponto tão marcante no game.

Na versão para PlayStation temos a participação especial de Kratos, de "God of War". Ele continua poderoso como sempre foi, somente não sai rodando as Lâminas do Caos durante as lutas pois seria impossível vencê-lo. A versão para Xbox infelizmente não teve um personagem extra. Foram cogitados personagens de "Gears of War" e "Halo", mas nenhum foi confirmado. Ambos os consoles terão em breve o download de dois novos personagens: Kenshi, que já é um personagem conhecido, e a novata Scarlet, uma ninja vermelha.

  • Combos e mais combos!

Mesmo superando, e muito, o que o público esperava do game, Mortal Kombat" ainda teve alguns deslizes. Usar a tela de comandos do game não é muito intuitivo. Por exemplo, não há como descer rapidamente a lista de golpes para chegar logo ao Fatality.

As setas invertem quando você está do lado direito da tela e isso faz com que muita gente erre o comando já que, em todos os outros games de luta, os comandos são dispostos para o jogador do lado esquerdo. Não que isso seja ruim, a ideia é boa, mas confunde.

Há quem reclame que faltaram aquelas sequências enormes de botão que havia no "Mortal Kombat 3", mas, analisando o game, mesmo que suas sequências não passem de 4 botões, existem muitas possibilidades de combos que se alternam entre golpes comuns e especiais.

A corrida realmente faz um pouco de falta, às vezes cansa ter que ficar dando "pulinhos para a frente" quando se quer alcançar um inimigo veloz.

  • Scorpion e Sub-Zero

Lançado no Brasil, "Mortal Kombat" teve todo um tratamento especial, com legendas em português, menus traduzidos e até mesmo festas de lançamentos. Isso fez com que o game ganhasse alguns pontos a mais com os gamers

No geral, "Mortal Kombat" agradou muito. Fez tudo o que prometeu e ainda nos fez esquecer seu passado ruim. Ele conseguiu trazer o que a série tinha de bom no passado, sem tentar imitar, trazendo uma jogabilidade nova e uma história renovada, que você vê acontecendo na TV, sem você ter que olhar na internet depois para entendê-la. O jogo acabou criando uma nova etapa na franquia e nós esperamos que os próximos episódios sejam tão bons e sólidos como este último!

  • Warner Bros. tornando suas batalhas mortais muito mais gostosas!

NOTA: 9.0

 

 

Obrigado Zap Games pelo jogo.

BETA
Comente pelo facebook
Último está em cima - alterar?
O que já falaram
0 / 0
MrGame em 20/05/2011 15:31
A melhor a análise no melhor jogo de luta.
0 / 0
R.I.P. em 19/05/2011 11:28
o kratos é O cara
0 / 0
42 em 17/05/2011 11:00
Um fatality é melhor que um haduken assim como uma galinha é melhor que um pato
0 / 0
Gamer em 16/05/2011 18:24
Uou! O_O Incrivel!! Tô ansioso! Quero jogar logo *_* Parece ser excelente.
1
Faça login ou cadastre-se
Envie seu comentário
Leia também
Mortal Kombat | Xbox 360 | 30/07/2013 11:38:32 0 / 0
Mortal Kombat | Playstation 3 | Xbox 360 | 04/07/2013 14:16:31 0 / 0
Mortal Kombat | PC | Playstation Vita | 22/05/2013 17:33:31 0 / 0
Ficha técnica
Gênero:
Luta
Lançamento:
19/04/2011
Desenvolvedor:
NetherRealm Studios
Distribuidor:
Warner Bros. Interactive
Plataforma(s):
PCPS VitaPS3360
Reboot na série, "Mortal Kombat" refaz o passado a partir de uma mensagem de Rayden, enviada do futuro.
9.0
8.0
Estamos no Facebook